Português

Doutoranda em Biotecnologia e Recursos Naturais do CCA é uma das finalistas do Prêmio Jovem Pesquisador Promega Brasil

10 de fevereiro de 2021

A aluna Larissa Pontes, do Doutorado em Biotecnologia e Recursos Naturais, é uma das finalistas do Prêmio Jovem Pesquisador Promega Brasil.

Ela desenvolve seu trabalho no Laboratório de Engenharia de Proteínas Terapêuticas da Fiocruz – Ceará, chefiado pelo Dr. Gilvan Pessoa Furtado, seu orientador.

No laboratório, ela trabalha com enzimas de uso terapêutico, como a asparaginase e com anticorpos ou seus fragmentos, visando obter moléculas de melhor performance e que possam ser uma opção nacional ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Larissa utiliza técnicas de engenharia de proteínas, como o desenho racional e a evolução dirigida na obtenção e validação dessas moléculas.

Em seu projeto de Doutorado, testam-se diversas estruturas de anticorpos bispecíficos de um anti-CD20, visando melhoria terapêutica para pacientes em tratamento de cânceres hematológicos. Sua área de interesse é a Engenharia de anticorpos.

O título do projeto de Larissa é Site-Directed Mutagenesis of an anti-CD20 antibody fragment to develop mutants with improved affinity.

O prêmio

O Prêmio Jovem Pesquisador Promega Brasil tem como objetivo reconhecer os melhores projetos científicos que usem tecnologia Promega demonstrando aplicações e metodologias inovadoras.

As premiações

O(a) primeiro(a) colocado(a) ganhará uma viagem aos Estados Unidos para participar de um Congresso Promega de sua escolha e conhecer a sede da Promega em Madison, Wisconsin.

O(a) segundo(a) e o(a) terceiro(a) colocados(as) receberão, respectivamente, vale-compras de R$ 8.000 e de R$5.000 em reagentes Promega

Os(as) qualificados(as) do quarto ao décimo lugar receberão uma mochila e uma caneca.

Para conhecer os demais finalistas e participar da votação, clique aqui.

Fontes: Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia e Recursos Naturais e Promega Brasil.