Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Centro de Ciências Agrárias

Área do conteúdo

Ações do Departamento de Fitotecnia Fortalecem Resgate e Validação da Semente Crioula

Data de publicação: 21 de março de 2019. Categoria: Notícias

Em reunião ocorrida no dia 21 de fevereiro na Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA) foram discutidas as bases sobre as quais se desenvolverá o “Projeto de Resgate e Validação do Uso de Variedades Crioulas”. Estiveram presentes ao encontro representantes da Universidade Federal do Ceará (UFC), Federação dos Trabalhadores Rurais, Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Ceará (FETRAECE) e Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Estado do Ceará (SDA).

A professora Cândida Bertini do Departamento de Fitotecnia do Centro de Ciências Agrárias coordena o projeto que já desenvolve atividades em parceria com a FETRAECE e os Sindicatos de Trabalhadores Rurais dos municípios de: Choró, Quixadá, Quixeramobim, Potiretama, Monsenhor Tabosa e Tauá. A FETRAECE, por sua vez, dada a relevância da questão, discutiu-a em três seminários, dois no interior e um na capital.

No transcorrer da reunião, a coordenadora do referido projeto informou que os trabalhos desenvolvidos até o momento forneceram resultados para a indicação de sete variedades crioulas que podem a partir desse ano serem registradas como Sementes Crioulas, devendo esse registro ser realizado de acordo com a Legislação vigente. Ainda segundo a professora, “ Esse é um trabalho científico de grande relevância para a Academia e para a Agrobiodiversidade”. Finalizando sua participação, a docente informou que o projeto precisa do imprescindível apoio da SDA para que outras variedades crioulas possam vir a ser caracterizadas e, posteriormente registradas como crioulas. Dada a magnitude da ação, com repercussão importante na agricultura familiar, o secretário Francisco de Assis Diniz da SDA comprometeu-se com a continuidade do projeto.

Fonte: Diretoria do Centro de Ciências Agrárias – Fone: 85 3366 9732

Acessar Ir para o topo