Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Centro de Ciências Agrárias

Área do conteúdo

Artigo escrito com a participação de professores do CCA é destaque internacional

Data de publicação: 2 de junho de 2014. Categoria: Notícias
O artigo científico intitulado “Biological Applications of Plants and Algae Lectins: An Overview” obteve mais de 3 mil acessos no site da editora In Tech, que desde 2004 publicou mais de 2 mil livros nas áreas de Ciência, Tecnologia e Medicina, e o livro Carbohydrates – comprehensive studies on glycobiology and glycotechnology, cujo o artigo compõe um dos capítulos. O trabalho é uma revisão sobre as atividades biológicas de lectinas.

De acordo com relatório enviado pela editora os países que mais acessaram o estudo foram, pela ordem, os Estados Unidos, Índia, Brasil, Reino Unido e China. "Quando se observa não apenas o número, mas os países de onde se originaram os acessos, é fácil perceber que o tema tem forte apelo científico", avalia o Prof. Edson Holanda Teixeira.

No estudo, os pesquisadores do BioMol Group fazem uma revisão geral da literatura sobre o assunto – com ênfase para alguns resultados de lectinas obtidas a partir de algas marinhas e plantas do Ceará como ferramenta biológica em estudo de biofilmes microbianos, diagnóstico de tumores, atividade anti-inflamatória e imunomodulação, dentre outras.

O artigo é assinado pelos pesquisadores Edson Holanda Teixeira, Francisco Sousa Arruda e Bruno Rocha da Silva, do Laboratório Integrado de Biomoléculas (Libs/UFC); Benildo Sousa Cavada, Kyria Nascimento e Victor Carneiro, do Laboratório de Moléculas Biologicamente Ativas (BioMol Lab/UFC); e Celso Nagano e Alexandre Holanda Sampaio, ambos do Laboratório de Bioquímica Marinha (Biomar Lab/UFC), do Departamento de Engenharia de Pesca do Centro de Ciências Agrárias .

Lectinas são proteínas vegetais cuja característica é se ligar, de forma reversível, a açúcares. Por conta disso, elas atuam como importantes ferramentas biológicas para a compreensão de processos que dependem do arranjo entre proteínas e carboidratos, a exemplo da comunicação celular, processos inflamatórios, desenvolvimento de biofilmes microbianos, imunização e desenvolvimento de cânceres.

Fonte: Site da UFC e Prof. Edson Holanda Teixeira, Departamento de Patologia – fone: 85 3366 8309

Acessar Ir para o topo