Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Centro de Ciências Agrárias

Área do conteúdo

Falece professor José Júlio da Ponte Filho

Data de publicação: 19 de fevereiro de 2013. Categoria: Notícias

Na tarde de ontem, 18, faleceu José Júlio da Ponte Filho, cientista e professor emérito do curso de Agronomia da Universidade Federal do Ceará, ao não resistir a uma parada cardíaca. O professor, que tinha 78 anos, já estava internado há mais de 15 dias por conta de uma pneumonia e infecção urinária. O enterro será realizado no cemitério Parque da Paz, às 16h de hoje, após a missa de corpo presente, que irá acontecer às 15h no mesmo local.

Em entrevista ao Jornal O Povo para matéria veiculada hoje, o Reitor da UFC, Jesualdo Farias, destacou a importância de José Júlio da Ponte Filho para a Universidade. O Reitor falou ainda sobre a atuação do cientista na consolidação do curso de Agronomia, que, ao lado do Direito, da Odontologia e da Farmácia, deu origem à UFC.

O ex-presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos do Ceará (Aeac), José Maria Freire, ao conceder entrevista para a mesma reportagem, afirmou que José Júlio da Ponte foi responsável pela formação da maioria dos profissionais da área de fitopatologia, além de lutar pelo combate ao uso de agrotóxicos.  Segundo ele, o professor contribuiu bastante para a Aeac por meio de publicação de trabalhos técnicos.

Dentre as diversas atividades acadêmicas de José Júlio da Ponte Filho, estão a graduação em Agronomia pela UFC na turma de 1958, mestrado pela Universidade de São Paulo e Livre-docência pela UFC, os dois últimos na área das Ciências Agrárias com especialidade em Fitopatologia.

No período de 1977 a 1979, atuou como docente na Escola Superior de Agricultura de Mossoró-ESAM, atual Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA); foi presidente na Sociedade Brasileira de Nematologia (SBN) e foi editor técnico-científico na Associação dos Engenheiros Agrônomos do Ceará (AEAC).

Dentre seus prêmios e títulos, foi agraciado com a medalha de ouro de honra ao mérito da educação agrícola superior, concedida pela Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior, com o título de professor emérito da Universidade Federal do Ceará, ambos conquistados no ano de 1988 e em 2007 com a Medalha da Ordem Nacional do Mérito Científico, no Grau de Comendador, sendo esta a mais alta honraria que a Presidência da República concede a um cientista, laurel este recebido diretamente das mãos do excelentíssimo Senhor Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Fonte: Coordenadoria de Extensão do CCA e Jornal O Povo

Acessar Ir para o topo