Português

LEMA desenvolve placas de circuito impresso

17 de setembro de 2012

A demanda por circuitos eletrônicos dedicados é grande tanto no Centro de Ciências Agrárias como em toda a Universidade, devido ao trabalho com coleta automática de dados realizada por grande parte dos pesquisadores.

Além disso, a Agricultura de Precisão e o Monitoramento Ambiental também apresentam grande carência de instrumentos e de equipamentos, principalmente oriundos da indústria nacional. Na maioria das vezes, os equipamentos disponíveis no mercado não atendem a necessidade dos consumidores, seja pelo alto custo, seja pela falta de uma mercadoria específica, tendo em vista a diversidade de pesquisas que são realizadas hoje. Dessa forma, muitas vezes é necessário desenvolver os próprios equipamentos.

No caso do Laboratório de Eletrônica e Mecânica da Agronomia (LEMA), pertencente ao Departamento de Engenharia Agrícola (DENA), será necessário, para alguns projetos de pesquisa, o desenvolvimento de várias placas de circuito impresso (PCI) dedicadas, pois estão sendo desenvolvidos e calibrados sistemas de aquisição de dados, controladores automáticos e diversos sensores. Algumas dessas estruturas de PCI vão trabalhar com alta frequência e rádio frequência.

Durante a pesquisa e o desenvolvimento de protótipos de PCI, a velocidade e a flexibilidade de produção são fundamentais. Estas duas características permitem aos desenvolvedores e pesquisadores testar ideias e fazer alterações facilmente. O método de Prototipagem Rápida transforma uma ideia pura em uma PCI protótipo que basicamente é usada para desenvolver um novo produto. Por intermédio de software de Projeto Auxiliado pelo Computador (CAD) os dados do layout específico para os protótipos PCI são projetados. A seguir, é selecionado o material, com base de fenolite ou e fibra de vidro, e fabrica-se o protótipo.

A PCI é formada por vias de cobre, o material condutor, que formam o circuito elétrico a ser testado. Após os testes, falhas são detectadas e mudanças no layout do circuito elétrico são solicitadas. Assim, um novo protótipo é criado sem o uso de produtos químicos. O protótipo da PCI permite avanços satisfatórios no desenvolvimento de projetos e, com ele, até mesmo pequenos lotes podem ser produzidos usando o método de Prototipagem rápida. O sistema atende também a necessidade de produção de PCI com vias condutoras ultrafinas e geometria especial para aplicações em alta frequência e rádio frequência, projeto que não é possível de ser realizado com os métodos de uso corrente.

 

Fonte: Professor Adunias Teixeira. Fone: 3366.9760/33669765