Português

Pesquisadores o CCA identificam a importância das abelhas e mariposas na produção de pitaia no Ceará

27 de março de 2018

Os professores Breno Magalhães Freitas, do Departamento de Zootecnia, e Márcio Cléber de Medeiros Corrêa, do Departamento de Fitotecnia, desenvolveram pesquisa sobre o cultivo da pitaia no Ceará no Núcleo de Estudos em Fruticultura e no Laboratório de Abelhas.

A fruta é originária de florestas tropicais do continente americano (principalmente da região que vai do México à Colômbia e Venezuela). É muito famosa na Ásia, mas ainda novidade na mesa dos brasileiros.

Foram avaliados dois tipos de pitaia: a branca e a vermelha. No primeiro tipo, os insetos foram fundamentais para o tamanho e peso dos frutos. Já a pitaia vermelha depende dos visitantes para que mais da metade das sementes vingue.

A reportagem completa está disponível no site da Agência UFC de Notícias, portal de divulgação científica e de extensão da Universidade.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social e Marketing Institucional  da UFC– fone: 85 3366 7331.