Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Centro de Ciências Agrárias

Área do conteúdo

PPGZ tem tese premiada no CNPA 2021

Data de publicação: 30 de novembro de 2021. Categoria: Notícias

A Tese de Doutorado intitulada Técnicas de modelagem e geoprocessamento visando ao desenvolvimento de um sistema de alerta precoce para os rebanhos em regiões da caatinga, de autoria de Leonardo Fiusa de Morais, do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia (PPGZ) do Centro de Ciências Agrárias (CCA) da Universidade Federal do Ceará e da Universidade Federal da Paraíba, foi premiada como a melhor do Nordeste durante o XV Congresso Nordestino de Produção Animal.

O trabalho contou com a orientação do professor Magno José Duarte Cândido, do PPGZ-UFC/UFPB, com a co-orientação da Dra. Ana Clara Rodrigues Cavalcante, da Embrapa Caprinos e Ovinos, e com as colaborações do professor Carlos Alexandre Gomes Costa, do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola do CCA, do Dr. Deodato do Nascimento Aquino, do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA/CE), do professor Rodrigo Gregório da Silva, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) campus Limoeiro do Norte, do Dr. Jay Peter Angerer, da Texas A & M University, do Prof. Valdson José da Silva, da Universidade Federal Rural de Pernambuco, e do Dr. Cristiam Bosi, da Embrapa Pecuária Sudeste.

Por meio desse trabalho, que está inserido nos projetos de pesquisa Modelo para reduzir a incerteza da produção animal em áreas com vulnerabilidade climática (CNPQ-Universal 01/2016) e Modelo de predição, ajuste e incremento da capacidade de suporte de pastagens naturais do Semiárido Brasileiro frente às mudanças climáticas (MEC-CAPES 11/2016 – PROGRAMA Desenvolvimento de Modelagem do Sistema Terrestre), lançaram-se as bases para o desenvolvimento de um sistema de alerta precoce para os rebanhos de regiões climaticamente vulneráveis, usando técnicas de modelagem e de sensoriamento remoto.

A técnica, já adotada em regiões desérticas da Mongólia e do Leste da África, foi aplicada pela primeira vez no Semiárido Brasileiro e tem se mostrado promissora. Para o PPGZ-UFC/UFPB, a Tese de Leonardo Fiusa de Morais é uma importante contribuição para a melhoria dos índices econômicos e da qualidade de vida dos produtores rurais do Semiárido.

Para acesso à tese na íntegra:  http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/58374

Notícia publicada originalmente no site do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.

Acessar Ir para o topo